sábado, 29 de agosto de 2009

A patricinha ficou contra o lobo mau

Emanoel Barreto

Diz a Folha Ilustrada: "A atriz Alicia Silverstone, conhecida pelo papel no filme "As Patricinhas do Berverly Hills" tirou a roupa para estrelar uma campanha em prol do vegetarianismo promovida pelo Peta, organização em defesa dos animais. A atriz fez fotos e um vídeo, que pode ser visto no site da organização, em que aparece saindo de uma piscina, sem roupa."

A ação do Peta, sigla que em inglês quer dizer algo como "pessoas a favor dos animais", tem alguma validez, claro. Defender a vida, o respeito à natureza, aos animais consequentemente, é um valor a não ser menosprezado. Mas esse movimento centra suas ações no nudismo como forma de chamar atenção aos seus protestos.

Isso alude a alguma forma de juvenilidade, um certo esquerdismo inconsequente e apenas barulhento, o que antigamente era chamado de "esquerda festiva". A questão da prervação ambiental é algo sério demais para ser debatido apenas com happenings e palavras de ordem.

A realidade ambiental nua e crua é política e deve, sim, ser motivo de manifestações de sociedade civil. Apenas tirar a roupa a se dizer "contra", é algo pueril e, pelo menos, coisa para quem não tem mais o que fazer. É mesmo coisa de patricinha querendo aparecer.

ZOORÓSCOPO

FALCÃO - Caro amigo falcoíno. Acautele-se contra os que estão sob a inspiração do signo de Coruja. Podem fazê-lo ficar tão míope que você desaprenderá até mesmo de voar. É melhor acompanhar-se de Águia. E, dando Águia na cabeça, você pode dizer: “ Falcão é o bicho.”

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Apenas um rapaz latino-americano
Emanoel Barreto

De repente, virou febre a procura pelo cantor e compositor Belchior, desaparecido há um tempão. Sua última aparição pública, pelo menos registrada, foi ao lado do senador José Sarney. Diz a Folha Ilustrada: "O cantor Belchior foi fotografado ao lado do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), no dia 9 de fevereiro deste ano, em Brasília. O cantor participou da instalação da Coordenação de Direito Eleitoral do Conselho Federal da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e posou para fotos ao lado do peemedebista e de representantes da entidade."

Acrescenta o jornal: "Segundo informa a coluna de Barbara Gancia publicada na Folha desta sexta-feira, o sumiço do cantor não pode ser considerado um artifício para reerguer a carreira nem um exílio voluntário de alguém com dinheiro no bolso. A colunista afirma que o desaparecimento está ligado a uma disputa familiar e a problemas financeiros."

Certa vez ele veio a Natal. Eu trabalhava na Fundação José Augusto e, inesperadamente, ele esteve por lá, acompanhado por dois jornalistas conhecidos meus. Queria livros de autores potiguares, queria conhecer a nossa literatura.

Conversamos longamente. Culto, refinado, mostrou-se um grande ser humano. Seria bom que já retornasse, com mais um belo disco.

ZOORÓSCOPO

GAZELA - Eis o zoosigno das pessoas religiosas, calmas, reflexivas, doces, cordatas. Muito comum a freiras e senhoras votadas ao serviço do próximo. Mas, aos que sejam de Hiena ou Cobra, recomenda-se: não tentem aproveitar-se de seus bons propósitos. Ou, em futuro próximo, serão punidos, numa dura convivência com Tubarão ou Lacrau.



quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Brian Snyder/Reuters
Quando morrem as lendas
Emanoel Barreto

A morte do senador Edward Kennedy tira da vida pública americana o último e lendário grande representante do clã dos Kennedy. Uma família envolta em grandeza e tragédias, os Kennedy tinham sobre si uma espécie de aura, além de um charme especial, magnificamente sintetizados no casal John e Jacqueline Kennedy.

Os dois estiveram em Natal em dezembro de 1963, quando eu tinha 12 anos. A cidade em festa, todos querendo ver o presidente americano, sua adorável Jackie e, claro, o carismático governador do Rio Grande do Norte, Aluizio Alves, que os convidara.

Em sua coluna de hoje Sebastião Nery registra: “Kennedy desceria no aeroporto internacional de Natal (Parnamirim), iria de helicóptero até o estádio Juvenal Lamartine, sairia de lá para a Casa de Hospedes, em frente ao palácio do governo, daria uma entrevista coletiva à imprensa, almoçaria e repousaria algumas horas. À tarde, conversaria com o governador e depois participaria de uma reunião do secretariado, onde o secretario da Educação, Calazans Fernandes, faria uma exposição sobre o Programa de Educação, que aplicava recursos da Aliança para o Progresso, e o governador falaria sobre o programa de Habitação Popular e outros projetos. Na manhã seguinte, Kennedy visitaria, em Angicos, em pleno sertão, a experiência pioneira do Curso de Alfabetização em 40 horas, de Paulo Freire”.

Os Kennedy representaram como ninguém o espírito liberal da doutrina americana. Na rota trágica da história deixaram a marca de sua presença.

ZOORÓSCOPO

BABUÍNO - Devem tomar cuidado, especialmente as babuinianas, no caso de pensar em contrair núpcias com os nascidos em Gorila. Todo gorilianiano é abusado, agressivo, além de ter certos dotes voltados para a violência. Homens nascidos em sagüi devem sobremaneira temer relacionamentos estáveis com gorilinianas, uma vez que estas são dominadoras e podem assumir o comando.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

A tolice como protesto
Emanoel Barreto

A Folha Online informa:"Uma coalizão belga de ONGs convocou 10 mil pessoas para participar, no próximo sábado (26), de uma grande coreografia em uma praia de Oostende, no norte da Bélgica, e gravar um videoclipe, em uma iniciativa destinada a pedir um acordo político global contra a mudança climática."

Mesmo admitindo-se que esse tipo de manifestação é uma prova da existência deuma sociedade civil internacional, podemos perguntar: até que ponto esse tipo de protesto é eficaz; até que limiar chega a sua capacidade de pressão; quais os reais efeitos desse gesto coletivo. Até que ponto isso deve ser levado a sério, até que ponto não passa de apenas um grupo festivo buscando visibilidade internacional.

ZOORÓSCOPO

GATA - As nascidas em Gata são suaves, marcantes, mãos macias. Mas, as unhas são inesperados floretes de aço de Toledo. Essas são as manhosas: dão a unhada e escondem as unhas. Já as mansas, ronronam docemente, tornam-se amigas e jamais deixam de ser belas.